DÉCIMO QUINTO CAPÍTULO

0
De Warlen Pontes
SÁBADO,
21 DE MAIO, 2011

LAPA
DEZ HORAS DA NOITE.

AGUARDANDO MARIA MARIA NO BAR ESTÃO: AMANDA, ESTER, OTÁVIO E RAFAEL. PEDRO CHEGA COM MARIA MARIA.
CUMPRIMENTA E BEIJA A TODOS.

(Otávio) – Tia, você está linda!
(Ester) – Radiante!
(Rafael) – Brilhante!
(Amanda) – Uma estrela!
GARGALHADAS DE MARIA.
(Maria) – Obrigada crianças! O que seria da minha vida sem os melhores sobrinhos do mundo!
TODOS
– Nada!
TODOS RIEM.
(Maria) – Sentem todos! Estou atrasadíssima! Vou cantar uma música em homenagem aos meus sobrinhos maravilhosos e volto… 
Ó, nada de bebidas alcoólicas! Viu? 

MARIA DIRIGI-SE AO PALCO.
(Maria) – Boa noite a todos!
APLAUSOS
(Maria) – Obrigada, obrigada pelo carinho de todos!
Estou muito feliz esta noite! 
Os melhores sobrinhos que uma tia pode ter estão sentados naquela mesa!
APONTA PRA MESA.
(Amanda) – Ai, que mico!
(Ester) – Tô toda boba.
(Maria) – Por isso, esta música que vou cantar agora, vou dedicar a eles! 
Uma noite diferente requer uma música diferente de tudo que já cantei aqui.
Greatest love off all. 
Amo vocês!
(Ester) – Adoro esta música!
(Amanda) – Eu também!
(Otávio) – Mandou bem.
(Rafael) – Show!

Enquanto Maria Maria se apresenta algo muito estranho acontece com Rafael que cochicha com Otávio.
(Otávio) – O que foi Rafa?
(Rafael) – Soltei um pum e acho que me cag… putz! 
Tô com medo de levantar e…
(Otávio) – E notarem né? Putz!
(Rafael) – E agora?
(Otávio) – Aproveita e solta mais um punzinhos (risos)
(Rafael) – Tá achando graça né?
AMANDA E ESTER PEDEM SILÊNCIO AOS MENINOS.
(Ester) – Vocês dois podem ficar quietos?
(Amanda) – Shiiiiii!
OTÁVIO SUGERE.
(Otávio) – Tenho um plano. Presta atenção: levante-se como um lorde inglês. Não se preocupe se vai escorrer pela perna. Vá até o banheiro, tire a calça e analise a situação numa escala de zero a dez. De três pra cima tem solução, de zero a três você vai precisar de muita criatividade. Transforme a privada numa máquina de lavar roupa. Tire o grosso enfiando a calça na privada e dando descarga. Pegue um pouco de sabonete líquido na pia e transforme a privada não só numa máquina de lavar, mas numa lavanderia completa. Não se preocupe em sair todo molhado, faz parte da estratégia. Depois de tentar resolver a pior parte, pegue água, muita água…


RAFAEL SAI DE FININHO PARA COLOCAR EM PRÁTICA O PLANO DE OTÁVIO.
(Ester) – Pra onde ele foi?
(Otávio) – Ao banheiro.
DENTRO DO BANHEIRO.
A VOZ DE OTÁVIO NA MENTE DE RAFAEL.
– Espalhe a água pelo banheiro todo. Jogue água nas paredes, no espelho. Enfie papel higiênico na pia e abra as torneiras até vazar. Enfie rolos de papel higiênico na privada e dê seguidas descargas até transbordar. Quando o banheiro estiver virado um oceano, pronto, tudo estará resolvido. Dê um chute  bem forte na porta até fazer bastante barulho.
MARIA TERMINA DE CANTAR. APLAUSOS.
OUVE-SE UM BARULHO.
RAFAEL SAI TODO MOLHADO DO BANHEIRO.
OTÁVIO SE ACABANDO DE RIR!
(Ester) – O que houve Rafa?
(Rafael) – Alguém entupiu a privada, a pia e deixou água vazando…
(Amanda) – Mas você está todo molhado…
(Rafael) – Quando eu fui entrar, escorreguei e caí! Não consegui me levantar, bati o osso da bunda no chão e fiquei quase imobilizado esperando a dor passar.
(Maria) – Nossa, você se machucou muito?
(Rafael) – Um pouco, é melhor eu ir pra casa… 
Poxa, tava um cheiro horrível aqui… mas agora parece que passou.
(Otávio) – Quer que eu te leve Rafa?
(Rafael) – Não precisa Otávio. Tá pertinho. Vou a pé.
(Pedro) – Que chato!
(Otávio) – Vou te levar até a saída brother.
OTÁVIO SAI COM RAFAEL.
OS DOIS SE CUMPRIMENTAM COM UM SOCO NAS MÃOS.
RAFAEL COMEÇA A RIR MUITO.
(Rafael) – Aí! Deu certo o plano! Onde você aprendeu isso?
(Otávio) – Num post do facebook!
(Rafael) – Demais! Vou nessa!
(Otávio) – Vai na paz irmão!


OTÁVIO VOLTA AO BAR.
(Amanda) – E aí, como ele está?
(Otávio) – Melhor, depois eu conto pra vocês o que aconteceu de verdade…
(Pedro) – Como assim?
(Otávio) – É uma longa história e, muito boa por sinal…
(Maria) – Queremos ouvir, mas, o que vocês querem falar comigo?
(Amanda) – Infelizmente um assunto muito delicado. 
(Ester) – Precisamos da sua ajuda tia.
(Otávio) – Não sabemos exatamente o que fazer…
(Pedro) – Mais problemas Maria…
(Maria) – O que foi gente?
REGINALDO E RONALDO CHEGAM NO BAR.
TODOS OLHAM PARA ELES.


SERÁ QUE ESTER, OTÁVIO E AMANDA CONTARÃO TUDO À MARIA MARIA?

FIM DO DÉCIMO QUINTO CAPÍTULO
ESTA É UMA OBRA DE FICÇÃO, 
QUALQUER SEMELHANÇA COM PESSOAS, HISTÓRIAS OU FATOS, 
TERÁ SIDO MERA COINCIDÊNCIA.
Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here