sexta-feira, 27 de julho de 2012

De Carla Cunha: PÉS QUE CONTAM HISTÓRIAS - parte 1

Ela é a minha ex-colega de Faculdade e parceira de fotos aqui no blog.
Seu primeiro vídeo já está disponível no youtube e com permissão dela, disponibilizo no TV A BORDO.
Aproveitei e postei um poema sobre pés do Pablo Neruda.
Vale a pena ver e ler.
Carlota, toda sorte do mundo pra você!




Os teus pés

Quando não te posso contemplar
Contemplo os teus pés.

Teus pés de osso arqueado,
Teus pequenos pés duros,

Eu sei que te sustentam
E que teu doce peso
Sobre eles se ergue.

Tua cintura e teus seios,
A duplicada púrpura
Dos teus mamilos,
A caixa dos teus olhos
Que há pouco levantaram voo,
A larga boca de fruta,
Tua rubra cabeleira,
Pequena torre minha.

Mas se amo os teus pés
É só porque andaram
Sobre a terra e sobre
O vento e sobre a água,
Até me encontrarem.


Pablo Neruda

0 comentários:

Postar um comentário

Ofensas não serão publicadas.