Qual é o mais do Roberto Justus?

2
programa ROBERTO JUSTUS MAIS – TV CRÍTICA


Há seis meses, na madrugada de segunda para terça, entra no ar, pela TV Record e Record Internacional, para mais de 150 países, o ROBERTO JUSTUS +. Até tentaram imitar, mas não conseguiram.




O APRESENTADOR
Se
fosse postar sobre o Roberto Justus como publicitário bem sucedido e
premiado, com certeza, utilizaria muitos caracteres e a página seria
pequena, entretanto, optei por falar sobre a sua ainda pequena, mas vitoriosa,
trajetória televisiva.



Formado em Administração de Empresas pela Universidade Mackenzie, em São Paulo, Justus estreou na telinha, em 2004, à frente do programa O APRENDIZ, a franquia verde e amarelo do reality show de grande sucesso nos EUA, The Apprentice, do bilionário americano, Donald Trump.
O programa repetiu o mesmo sucesso do original yankee durante seis temporadas, chegando a ser indicado ao Troféu Imprensa, em 2005.

Depois de seis programas na Record com O APRENDIZ, Justus mudou-se para o SBT e apresentou dois programas: UM CONTRA UM e TOPA OU NÃO TOPA, além de um especial musical, HISTÓRIAS E CANÇÕES, onde cantou, entre outros, com  Agnaldo Rayol, “My Way”; Marina Elali,
em “Unforgettable”; Roupa Nova, em “Yesterday”; e a Família Lima, em
“What a Wonderful World”.



O PROGRAMA
De volta à Record, mas com uma proposta diferente, o publicitário utiliza-se do seu ego num programa muito bom, mas com dia e horário ingratos.  


RJustus recebe seus convidados dispostos num cenário bem montado com uma plateia estilo arena. Só para citar alguns nomes, já passaram pelo Mais: Hebe Camargo, Rodrigo Faro, Bruna Lombardi, o crítico de cinema Rubens Ewald Filho, os jogadores Ronaldo Nazário e Neymar, Emerson Fitipaldi, o senador Eduardo Suplicy e o cineasta Fernando Meirelles. A top brasileira Ana Beatriz Barros, o artista plástico Romero Britto e o diretor de animação, Carlos Saldanha, via skype, foram algumas das entrevistas internacionais.


Adrenalina, fama, fofoca, males do século, prostituição, reality show e violência urbana, pautaram alguns dos assuntos abordados no talk com uma certa profundidade – talvez seja o único programa na TV aberta – a abordar um tema e discuti-lo, sem deixar o telespectador com aquele gostinho de quero mais ou saturá-lo.


TECNOLOGIA, JEITO ROBÓTICO E PERGUNTA +
O executivo e palestrante, Walter Longo, conselheiro no programa O APRENDIZ, abrilhanta o Mais ao levar informações sobre o futuro, as tendências em tecnologia e, como isso, muda os rumos da nossa sociedade, sempre relacionado ao assunto da noite.


Justus também faz as matérias externas mostradas na abertura e ao longo do show, sem perder seu jeito robótico, porém dividir essa função com uma repórter, evitaria um desgaste da sua imagem e, sem dúvida, enriqueceria a atração. 

A Pergunta +, ao final do programa para os convidados, muda a luz de azul para vermelho, cria um clima de suspense e sugere uma certa polêmica, todavia, nem sempre acontece.


A proposta do Mais é inovadora, traz entretenimento, informação com qualidade, credibilidade, mas Justus precisa se segurar um pouco; ele interrompe muito os convidados e fala muito de si, quando isso não acontece proporciona momentos hilários, como as participações memoráveis do Otávio Mesquista e do jornalista e fofoqueiro de plantão, Nelson Rubens, se o menos o Mais de Roberto Justus? 
 

ROBERTO JUSTUS +
Todas às segundas, depois da meia-noite.
Reprisado na Record News, domingo, às 17h.

Curta a nossa página no FACEBOOK
Siga-nos no twitter
@tvabordo

Comentários do Facebook

2 COMENTÁRIOS

  1. Não me intitulo jornalista; sou jornalista formado com diploma e registro no Ministério do Trabalho e Emprego. Apenas dizer "com tantos erros" e não apontá-los? Acho que quem está precisando repensar, não sou eu. Aproveito para deixar uma mensagem: corrija o sábio e o fará mais sábio, corrija o tolo e o fará teu inimigo. Pense nisso!

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here