Pedro Maya: “Depois de todo inverno, sempre vem a primavera.”

0

Pedro Maya faz CHECK-IN no TV a Bordo

Pedro Maya
foto João Cotta

A trama escrita por Patrícia Moretzsohn, com direção artística de Natalia Grimberg,   ‘Malhação – Vidas Brasileiras’, estreia dia 7 de março e vai contar com um time de 17 atores e atrizes, que participaram de um processo seletivo em que reuniu mais de 500 jovens de várias regiões do Brasil.

O portal TV a Bordo exibe, desde o dia 5 de fevereiro, uma série de matérias exclusivas com os novos talentos da novela teen. Já participaram os atores Daniel Rangel (5/2), Gabriel Contente (7/2), Leonardo Bittencourt (9/2), Joana Borges (12/2), Pally Siqueira (13/2), Yara Charry (14/2), Tom Karabachian (15/2), Rayssa Bratillieri (16/2), Luellem de Castro (19/2), André Luiz Frambach (20/2), Gabriel Fuentes (21/2), Pedro Vinícius (22/2) e Alice Milagres (23/2). 

Nesta semana, Guilhermina Libanio apresentou sua Úrsula (26/2), Jeniffer Oliveira a sua Flora (27/2) e, hoje, Pedro Maya, vai apresentar o Garoto.

Pedro Maya é carioca e vai contar, entre outras coisas, sobre o seu personagem, o processo de construção, a “troca de figurinhas” com o elenco veterano e algumas técnicas para decorar o texto.

Com vocês, Pedro Maya:

Personagem

Meu personagem é o Garoto. É um personagem doce e de caráter íntegro. Um menino sonhador, com uma vida brasileira, preto e pobre, com milhões de adversidades, mas que as encara de uma maneira jovial.

Processo de construção do Garoto

Tivemos uma preparação com a Cris Moura e exploramos muito a questão da leveza e dos diferentes meios de se concretizá-la, saindo de esteriótipos, tentando sempre surpreender.

Relação com os veteranos e a “troca de figurinhas”

Faço parte do núcleo jovem, mas começo contracenando com os mais velhos como a Camila Morgado e o Felipe Rocha. Ambos são extremamente carinhosos e disponíveis em cena, o que torna uma experiência incrível.

Técnicas para decorar o texto

Nunca tive problemas em decorar, apenas tenho que me concentrar, entender o contexto e sempre observo as falas dos colegas. 

Emoção na hora de interpretar

Acho que cada ensaio é diferente, por isso é difícil dar algo certeiro. A cada mesma cena, existem diferentes pausas, entonações e depende muito da vivência do presente. Não sei se estaria ligada ao texto.

Uma hashtag para o Garoto

#garoto7cordas (por conta do violão) 

Convite para a galera assistir à “Malhação: Vidas Brasileiras”

Quem não vier ver a malhação é ruim da cabeça ou doente do pé, porque a nossa ‘Malhação’ tá sambando na cara! Só vem sambar junto!! 

Frase que norteia a sua vida

“Depois de todo inverno, sempre vem a primavera.”

Jeniffer de Oliveira Andrade nasceu no dia 30 de setembro de 1998, em Belo Horizonte – MG.

LEIA TAMBÉM

Vem aí: “Malhação – Vidas Brasileiras”

foto João Cotta foto João Cotta / Os novos talentos de ‘Malhação Vidas Brasileiras’
Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.