GloboNews: série ‘Em Movimento’ discute mobilidade urbana

0

Em Movimento discute a questão da mobilidade urbana no Brasil e no mundo

em movimento
Foto RC: O correspondente Rodrigo Carvalho visita o metrô de superfície em Londres. Crédito: Divulgação

Congestionamentos causados por excesso de carros, transporte público ineficiente e tantos outros problema de mobilidade urbana resultam em um gasto anual de 267 bilhões de reais no Brasil. Além dos impactos no bolso, a  imobilidade nas grandes cidades faz com que as pessoas percam não só tempo, mas também saúde e tranquilidade.

Mobilidade Urbana

A partir de terça-feira, dia 7, a série ‘Em Movimento’, da GloboNews, discute problemas e soluções em diversas capitais do Brasil e cidades como Londres, Nova York e Tóquio. Os 12 episódios mostram a integração no transporte público, como funcionam metrô, VLT e bicicleta em cidades pensadas para carros, e o trabalho de centros de pesquisa como a COPPE, no Rio de Janeiro, que já estão testando alternativas de transporte com energia limpa para os próximos anos.

LEIA TAMBÉM

Novela ‘O Tempo Não Para’ marca maior audiência de estreia às 19h e voa alto na Globo

Europa e EUA

Os repórteres Murilo Salviano e Victor Ferreira e os correspondentes Rodrigo Carvalho (Europa) e Felipe Santana (Nova York) testam diversos modais para mostrar como funciona o transporte nas principais metrópoles do Brasil e do mundo. Morando há um ano e meio na capital inglesa, Rodrigo diz que ficou impactado pela eficiência do setor: ”Vamos mostrar como Londres se tornou uma das capitais da mobilidade. O metrô daqui é o mais antigo do mundo, com 402 quilômetros de extensão. A cidade tem o metrô tradicional, o metrô de superfície, trem, ônibus em faixa exclusiva. Em vários pontos, um painel diz quanto tempo falta para o próximo ônibus ou metrô chegar. Vamos mostrar as principais reclamações de quem vive na cidade e o os projetos de transporte em curso”.

No Brasil, Victor Ferreira navega pela hidrovia do rio Tapajós, a mais usada no Pará para transporte de passageiros e cargas. “O Brasil tem 48 mil quilômetros de rios navegáveis, mas só 19 deles têm rotas comerciais”, conta o repórter, que também acompanha a jornada dos caminhoneiros para levar milho e soja do Mato Grosso até o porto de Miritituba, no Pará: “De Sorriso, no Mato Grosso, até o porto de Miritituba, no Pará, mostramos como o Brasil transporta mal seus principais produtos de exportação: a soja e o milho.  Pelo caminho, vemos acidentes, insegurança e uma BR com quilômetros de estrada de terra”.

A série ‘Em Movimento’ vai ao ar às terças-feiras, às 21h30, na GloboNews.

Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.