Sandra Annenberg entrevista ex-jogador de futebol Raí para ‘Como Será?’

0

Além da entrevista com Raí, programa exibe último episódio da série ‘Além do voto’

Raí
Sandra Annenberg ( Jornalista ) e Raí ( Ex Jogador de Futebol ). Foto Divulgação TV Globo

Tetracampeão Raí

Tetracampeão do mundo de futebol e socialmente engajado, o ex-jogador Raí é o convidado de Sandra Annenberg na entrevista de estúdio do ‘Como Será?’ deste sábado, dia 1º. Em 1998, ele encerrava a temporada no clube Paris Saint-Germain e sentia a necessidade de fazer algo pela educação das crianças no Brasil. Assim nascia a Fundação Gol de Letra, que está completando 20 anos de atuação. Além de contar essa história, Raí fala do orgulho de ver o projeto crescendo – ele atende hoje cerca de 4.600 pessoas, entre crianças, jovens e adultos. Com o tempo, a Fundação passou a ter cursos profissionalizantes e até curso de alfabetização para adultos.

Série Além do Voto

No último episódio da série ‘Além do voto’, a repórter Júlia Bandeira visita projetos que desenvolvem uma relação próxima das pessoas com a vida política, estimulando a participação em debates ou em ações que visam melhorar a sociedade. Em uma escola municipal de São Paulo, crianças de 4 e 5 anos aprendem a dialogar para conquistar o que desejam. A instituição conta com a participação direta de professores e pais para melhorias dentro e fora de seus muros. Outra iniciativa mostrada na reportagem é a Virada Política, que acontece em 13 cidades do país com o objetivo de criar um espaço para diminuir a distância entre posicionamentos divergentes. Na Paraíba, Júlia conhece o trabalho do CEPFs (Centro de Educação Popular e Formação Social), onde agricultores aprendem a conviver com o semi-árido e são capacitados a exigirem políticas públicas para a sua região.

LEIA TAMBÉM

Jogos da ‘Libertadores da América’ batem recorde de audiência em 2018 e voam alto na Globo

Hoje é dia de… dor de cotovelo

O ‘Hoje é dia de… dor de cotovelo’ explora as diferentes interpretações para a expressão. Alexandre Henderson leva uma psiquiatra e sexóloga a um bar que reúne gente que quer afogar as mágoas mas sem perder o bom humor. Uma psicóloga e terapeuta de casais analisa alguns casos e prova que este tipo de sentimento sempre passa! Alexandre também investiga as causas e formas de prevenção da epicondilite, uma lesão no cotovelo que acomete, principalmente, os tenistas.  

Reportagem de Rogério Coutinho propõe um desafio a estudantes de uma escola no Rio de Janeiro: montar barracas para a venda de limonada. Através da experiência, eles demonstram os conhecimentos obtidos em um projeto de empreendimento oferecido pelo colégio. As crianças colocam em prática o que aprenderam sobre o processo de criação de uma empresa e venda de um produto.

Parceria do Jornalismo e da área de Responsabilidade Social, o ‘Como Será?’ vai ao ar após o Via Brasil, às 7h (exceto nas afiliadas com conteúdo regional). As reprises vão ao ar na GloboNews e no Canal Futura, aos domingos, às 06h05 e às 15h, respectivamente. No Canal Futura, ainda há reprises na segunda (1h), quarta (20h30) e quinta-feira (2h30).  Mais informações no site redeglobo.globo.com/como-sera e nas grades de programação locais. 

Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.