‘Caldeirão do Huck’ aterrissa em Moçambique e promove oficina de brinquedos

0

Casal que participa do ‘Um Por Todos, Todos Por Um’ viaja até Moçambique para promover oficina de brinquedos

Oficina de brinquedos
foto reprodução

Em clima de Natal, o quadro do ‘Caldeirão do Huck’ relembra a importância do brincar e da convivência entre pais e filhos

A três dias do Natal, o ‘Caldeirão do Huck’ deste sábado, dia 22 de dezembro, apresenta uma emocionante edição do quadro ‘Um Por Todos, Todos Por Um’, que resgata a importância do brincar durante a infância. Para contar a história de um casal que resolveu colocar as mãos na massa para fazer isso acontecer, o programa começa viajando até o interior de Minas Gerais e chega a aterrissar em Moçambique, na África.

Ajudantes de Papai Noel

Tudo porque Luciano Huck e sua equipe encontram dois “ajudantes de Papai Noel” na região do Vale do Aço, em Santana do Paraíso. É no local onde vivem Alison e Ana Paula, casados há 20 anos e pais de três filhos. Os dois são também os idealizadores do Instituto Ideias, uma ação criada com o intuito de montar uma produção de brinquedos educativos e estimular a convivência familiar.

Sem dinheiro e sem tempo

Mas como isso começou? A trajetória de Alison e Ana Paula com a fabricação de brinquedos parte de um ponto em comum: casos raros em suas respectivas famílias, os dois são formados em Serviço Social. Foi a partir da vivência no bairro onde foram morar que eles perceberam que as famílias que trabalhavam pesado na indústria do aço não tinham dinheiro para comprar brinquedos para os filhos. E mais: o casal também se atentou para o fato de que, por conta do trabalho duro, os pais dessas famílias, sempre muito cansados, não tinham tempo para brincar com as crianças.

LEIA TAMBÉM

‘O Natal Perfeito’ e o conceito de ressignificar na direção de arte do especial

MDF

A partir disso, Alison começou a recolher, em marcenarias da região, sobras de MDF que iriam para o lixo para construir brinquedos com o material. Em convênio com escolas públicas da região, passou ainda a realizar oficinas de construção de brinquedos em sala de aula. Logo, abriu a própria casa para receber as crianças no contra turno escolar. Ali, ele cortava o MDF e entregava para as crianças lixarem e pintarem. Depois, era de hora de brincar. Pouco a pouco, toda a vizinhança se envolveu.

Corrente do brincar

Por conta de tudo o que já tinham observado sobre a convivência familiar dos moradores da região, Alison e Ana Paula decidiram por um preço na oferta deste serviço: assim como as crianças, os pais também deveriam brincar com os filhos durante, pelo menos, uma hora por semana. Foi desta forma que o casal conseguiu promover uma pequena revolução dentro dos lares de Santana do Paraíso. A corrente do brincar chegou até um neuropediatra que, ao conhecer o projeto e comprovar os benefícios que o processo gera, tanto para a saúde física quanto a mental das crianças, decidiu apoiar a causa e ajudá-la com o próprio dinheiro. Foi através de uma carta escrita por ele, inclusive, que a história de Alison e Ana Paula chegou até o ‘Caldeirão’.

Oficinas de Brinquedos

Quando conheceu a natureza do Instituto Ideias, além de inserir o projeto no ‘Um Por Todos, Todos Por Um’, o apresentador Luciano Huck decidiu testar se a tecnologia social desenvolvida pela ação poderia ser replicada em outros lugares do mundo. É assim que Huck, sua equipe e o casal Alison e Ana Paula partem para a aldeia de Muzumuia, no interior de Moçambique. No local, o grupo vai até um campo de acolhimento da Fraternidade sem Fronteiras e realiza oficinas de brinquedos para centenas de crianças que nunca puderam tê-los. O resultado desta experiência promete emoção e muitas surpresas.

Caldeirão do Huck

O ‘Caldeirão do Huck’ vai ao ar aos sábados, logo após o ‘SóTocaTop’. Neste sábado, a atração vai ao ar após a final do Mundial de Clubes. O programa tem direção geral de Clarissa Lopes e direção artística de Hélio Vargas.

Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.