DOCE DE MÃE, a opção para vovôs, vovós, netinhos e cia.

1

seriado DOCE DE MÃE – TV CRÍTICA


Há duas semanas estreou o seriado DOCE DE MÃE estrelado por Fernanda Montenegro, papel que lhe rendeu o prêmio de melhor atriz no Emmy Internacional de 2013. O programa foi apresentado como especial de final de ano em 2012.

A HISTÓRIA
A produção gira em torno de uma mãe idosa Maria Isabel, Dona Picucha, e a relação com os seus quatro filhos, Sílvio (Marco Ricca), Elaine (Louise Cardoso), Fernando (Matheus Nachtergaele) e Susana (Mariana Lima), após receber a visita de um argentino e passar uma procuração para cuidar de uma herança deixada pelo seu ex-marido. Com esse acontecimento, os quatro filhos preocupados com a vida solitária da mãe, resolvem decidir o seu destino. 

A partir deste argumento, DOCE DE MÃE retrata com humor a relação familiar de uma viúva, idosa, independente e cheia de energia para continuar a viver. Tudo bem que Fernandona está mais para avó do que mãe dos cinquentões Marco Ricca e Louise Cardoso…

TERCEIRA IDADE
DOCE DE MÃE diverte, mostra a terceira idade não com as suas dificuldades, mas com o que se pode fazer de melhor. O primeiro episódio exibido mostra a apreensão dos filhos em dar a notícia que resolveram deixar a mãe num asilo, mas são surpreendidos quando a própria resolve viver em um.

Para quem não assistiu ao episódio-piloto em 2012, sabe-se somente que Jesus (Daniel de Oliveira) – diga-se de passagem, muito apagadinho – é apenas o genro de Picucha, desconhecendo o seu passado triste. Vale a pena dá uma olhada no especial de fim de ano.

O destaque desta temporada, ainda não se sabe se a Globo vai permanecer com ele, devido aos compromissos de Montenegro com cinema, teatro e de ter acertado uma personagem com o autor Gilberto Braga em sua próxima novela, é Drica Moraes. Depois da sua tímida participação na segunda versão de GUERRA DOS SEXOS, Drica rouba a cena e está bem à vontade como a Dra. Sílvia, a pediatra que vai alugar a casa da Picucha. 

ELENCO DE PESO, MAS COADJUVANTES
A escalação de suas estrelas como Ricca, Cardoso, Oliveira e Nachtergaele é mera coadjuvação. Fernanda Montenegro é a estrela e a peça fundamental da sitcom. A audiência conforme o IBOPE está abaixo da meta global, 30 pontos. O primeiro episódio marcou 18 pontos e o segundo 15,5 pontos (cada ponto equivale a 65 mil domicílios na cidade de São Paulo).

Talvez DOCE DE MÃE seja um programa para as tardes de domingo, com seu conteúdo leve, divertido e gostoso de se assistir entre vovôs, vovós, netinhos e cia. Talvez falta um pouquinho mais de drama para atrair mais público, quem sabe, de qualquer modo, é um acerto da Globo na programação deste ano, em meio há tantas traições, maldades e intrigas.

DOCE DE MÃE
coprodução com a Casa de Cinema de Porto Alegre
Escrito e dirigido por
Jorge Furtado
Ana Luisa Azevedo
Toda quinta, depois de EM FAMÍLIA  

Curta a nossa fan page

Siga TV a BORDO no Twitter

Comentários do Facebook

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.