‘Altas Horas’ celebra 465 anos de São Paulo com convidados especiais

0

Especial 465 anos de São Paulo – além de Baby do Brasil, programa recebe Caetano Veloso, a cantora Iza, João Suplicy, a banda Dônica e o ator Caio Castro

465 anos de São Paulo
FOTO Divulgação TV Globo

Especial 465 anos

Nesta sexta-feira, dia 25 de janeiro, São Paulo comemora 465 anos. Logo no sábado, dia 26, a data não passa despercebida pelo ‘Altas Horas’. Para celebrar a terra da garoa, o apresentador Serginho Groisman conta com a presença de Caetano Veloso, Baby do Brasil, Caio Castro, João Suplicy, Iza e da banda Dônica, da qual Tom Veloso, filho de Caetano, é integrante.

Caetano Veloso

No embalo da data, Serginho relembra uma reportagem exibida em 2004, em que, acompanhado por sua mãe, passeava à noite em um carro antigo pela capital paulista. No trajeto, a dupla passou por locais marcantes da cidade como o Theatro Municipal e o Ibirapuera, enquanto o apresentador ouvia a mãe contar como eram esses lugares anos atrás. Um dos pontos mostrados na reportagem é o famoso cruzamento das avenidas Ipiranga e São João, citado na música “Sampa”, de Caetano Veloso. O cantor aproveita para contar como surgiu a composição: “Ia participar de um programa de televisão e me pediram para fazer um depoimento sobre São Paulo. Fui anotar e terminei com uma canção”, diz.

LEIA TAMBÉM

Otaviano Costa vai do basquete ao balé no ‘Tá Brincando’

Baby do Brasil

Enquanto isso, Baby do Brasil relembra histórias dos Novos Baianos, conjunto musical do qual fez parte e que também é citado em “Sampa”. Baby revela que o grupo foi recebido pelo produtor musical João Araújo, cujo trabalho foi fundamental para a existência do célebre disco “Acabou Chorare”, por indicação de Caetano. “Olha aí: mais um elo divino. É cada memória nesse programa”, celebra a artista.

Iza

A cantora Iza, que faz uma participação especial no programa ao lado de Caetano Veloso, também fala sobre São Paulo e conta o que aprecia e o que não aprecia no local: “Gosto de trabalhar aqui e de como as coisas funcionam. Só não gosto do trânsito.”

Caio Castro

O paulistano de nascença e de coração Caio Castro também fala sobre a cidade que tanto ama: “Nasci e fui criado em São Paulo. De todos os lugares do mundo que conheci, não troco São Paulo. Moro no centro. Ali, você vira a esquina, tem uma padaria aberta 24h servindo feijoada e dobradinha”, comenta o ator sobre a diversidade gastronômica do município, um de seus pontos marcantes.

Dônica e João Suplicy

A sexóloga Laura Müller responde às perguntas da plateia e fala sobre como é ser uma mulher que, há 11 anos, aborda temas sobre sexo na televisão brasileira. Marco Luque, vestido de Silver e com o seu jeitinho habitual, faz um resumo do programa e, claro, não poupa nem o apresentador Serginho Groisman da brincadeira. Já a banda Dônica e o cantor João Suplicy completam o time que garante a música na atração.

O ‘Altas Horas’ vai ao ar aos sábados, após o ‘Big Brother Brasil’.

Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.