Emmy 2019: jornalistas da Globo participam da cerimônia de entrega das medalhas

0

Jornalistas da Globo – emissora concorre em duas categorias por cobertura da morte da vereadora Marielle Franco e reportagem especial sobre a Coreia do Norte

JORNALISTAS DA GLOBO
Foto equipe cobertura do caso Marielle Franco: Repórter Paulo Renato Soares, o apresentador do Jornal Nacional, William Bonner, a apresentadora do Jornal da Globo, Renata Lo Prete, a repórter Renata Ceribelli e o apresentador do Fantástico, Tadeu Schmidt / Foto Luiz C Ribeiro

O Jornalismo da Globo marcou presença no tradicional evento de entrega das medalhas aos indicados ao Emmy Internacional, realizado pela Academia Internacional das Artes & Ciências Televisivas, nesta terça-feira, dia 24, em Nova York, nos Estados Unidos. O anúncio dos vencedores da edição de 2019 será feito esta noite, a partir das 20h (de Brasília), em uma cerimônia de gala, no Lincoln Center. Pelo 13º ano seguido, o quinto consecutivo nas duas categorias (“Notícia” e “Atualidade”), o jornalismo da Globo/GloboNews está entre os melhores do mundo. Em 2011, o ‘Jornal Nacional’ ganhou o prêmio com a cobertura da retomada do conjunto de favelas do Alemão pelas forças de segurança do Rio de Janeiro.

LEIA TAMBÉM

Palácio do Catete recebe imprensa para lançamento de ‘Filhos da Pátria’

Morte vereadora Marielle Franco

Na categoria “Notícia” foi indicada a cobertura da morte da vereadora Marielle Franco e de seu motorista, Anderson Gomes, uma parceria entre ‘Fantástico’, ‘Jornal Nacional’ e ‘Jornal da Globo’. Nesta categoria, a Globo concorre com representantes do Reino Unido, do Catar e da Rússia. “Estou muito orgulhosa de fazer parte dessa equipe incansável, que continua honrando nossa profissão e cobrando as autoridades sobre o caso. Esta indicação já é um prêmio, independentemente do vencedor”, comenta a repórter Renata Ceribelli, que fez a primeira entrevista com a assistente de Marielle, única sobrevivente e testemunha do ataque.

11 dias na Coreia do Norte

Em “Atualidade”, a Globo disputa o prêmio com concorrentes de Suécia, Nigéria e Reino Unido com a reportagem “11 dias na Coreia do Norte”, do ‘Fantástico’. Exibida em setembro de 2018, traçou um painel do país mais fechado do mundo em seu 70º aniversário e incluiu imagens raras de trabalhos forçados. “Desde o trabalho da equipe, que conseguiu produzir essa viagem, até a brilhante reportagem conduzida pelo craque Álvaro Pereira Júnior, tudo foi feito de maneira impecável. Nos dias de hoje, temos a impressão de que já se viu de tudo deste planeta. Mas as reportagens conseguiram nos apresentar, com uma qualidade única, um mundo novo e incrível. Estamos na torcida”, diz o apresentador do ‘Fantástico’ Tadeu Schmidt.

jornalistas da Globo
Foto equipe ‘11 dias na Coreia do Norte’:  Repórteres Álvaro Pereira Júnior e Renata Ceribelli e o apresentador Tadeu Schmidt. Crédito: Globo/ Luiz C. Ribeiro

Jornalistas da Globo

Além de Tadeu Schmidt e de Renata Ceribelli, estão em Nova York para participar do evento o diretor de Jornalismo da Globo, Ali Kamel; o diretor de Jornalismo do Rio de Janeiro, Vinícius Menezes; o diretor do ‘Fantástico’, Bruno Bernardes; o editor-chefe e apresentador do ‘Jornal Nacional’, William Bonner; a apresentadora do ‘Jornal da Globo’, Renata Lo Prete; os repórteres Paulo Renato Soares e Álvaro Pereira Júnior; e o produtor Leslie Leitão.

Prêmios da Globo

Além da vitória do ‘Jornal Nacional’ em 2011, que também contou com jornalistas da Globo na cerimônia, a Globo já recebeu outros 16 troféus do Emmy. O primeiro foi o de “Personalidade Mundial da Televisão”, recebido por Roberto Marinho, em 1976, prêmio que receberia novamente em 1983. Seu filho, Roberto Irineu Marinho recebeu a estatueta em 2014, na mesma categoria. Em 1981, ganhou com o musical ‘A Arca de Noé’ e em, 1982, com ‘Morte e Vida Severina’. A Globo foi premiada sete vezes por “Melhor Novela”, com ‘Caminho das Índias’ (2009), ‘Laços de Sangue’, coprodução com a SIC, exibida em Portugal (2011), ‘O Astro’ (2012), ‘Lado a Lado’ (2013), ‘Joia Rara’ (2014), ‘Império’ (2015) e ‘Verdades Secretas’ (2016). ‘A Mulher Invisível’ (2012) e ‘Doce de Mãe’ (2015) venceram na categoria ‘Melhor Comédia’. Fernanda Montenegro recebeu o prêmio em 2013 como ‘Melhor Atriz’ por seu papel em ‘Doce de Mãe’. Este ano, a Globo já foi premiada por melhor série no Emmy Internacional Kids, com ‘Malhação: Viva a Diferença’; e concorre em duas categorias no Emmy Internacional de Entretenimento: “Minissérie”, com ‘Se Eu Fechar os Olhos Agora’, e “Melhor Atriz”, com Marjorie Estiano, pelo trabalho na segunda temporada de ‘Sob Pressão’. Os vencedores serão conhecidos no dia 25 de novembro.

Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.