‘Esporte Espetacular’ apresenta nova temporada ‘Ippon – A Luta pela Vida’

0

Além de Ippon – A Luta da Vida, programa estreia série RELÍQUIAS, sobre objetos que fizeram parte de conquistas históricas

IPPON
O elenco de ‘Ippon – A Luta da Vida’ Crédito: Globo/ Bob Paulino

O caminho para se tornar um atleta profissional de alto nível é muitas vezes difícil e tortuoso. Para preparar jovens talentos para esse desafio, o ‘Esporte Espetacular’ inicia neste domingo, dia 6, a segunda temporada do reality ‘Ippon – A luta da Vida’, que terá apresentação de Bárbara Coelho. A série é realizada em parceria com o Bradesco, maior apoiador do judô brasileiro, e apresenta ao público a essência e os princípios do esporte. Oito jovens com menos de 21 anos – quatro homens e quatro mulheres da categoria meio-médio – foram selecionados de acordo com o ranking da Confederação Brasileira de Judô para participar do quadro. Os dois vencedores ganham o direito de participar do Grand Slam de Paris e ingressos para assistir à final olímpica da sua categoria. Flávio Canto, bronze nos Jogos de Atenas-2004, e Tiago Camilo, prata em Sidney-2000 e bronze em Pequim-2008, são os técnicos desta edição.

LEIA TAMBÉM

Combate UFC 243: Robert Whitaker enfrenta invicto Israel Adesanya

Ippon – A Luta da Vida

Outros quatro ídolos participam do programa no papel de “samurais”, aconselhando os jovens talentos e comentando suas lutas: João Derly, único brasileiro bicampeão mundial de judô; Leandro Guilheiro, bronze em Atenas-2004 e prata no Pan Rio-2007; Sarah Menezes, campeã olímpica em Londres-2012; e Carlos Honorato, prata em Sydney-2000. “O ‘Ippon’ reúne uma garotada de 18 a 21 anos e, com essa idade, eu já sonhava com Jogos Olímpicos, como eles estão sonhando. É quase como um elixir da juventude que vamos tomando durante o programa, revivendo essa energia com eles”, diz Flávio Canto.

IPPON A LUTA PELA VIDA
O repórter Ben-Hur Correia com o cenário do quadro ‘Relíquias’ Crédito: Globo/ Divulgação

Série Relíquias

Outra estreia deste domingo é a série ‘Relíquias’, que conta a história de objetos que fizeram parte de conquistas históricas. Nos sete episódios, objetos históricos como a camisa 10 que Pelé usou na final da Copa de 70, um capacete de Ayrton Senna, a camisa que Gustavo Kuerten usou na conquista de Roland Garros 1997, o vestido de Maria Esther Bueno na conquista de Wimbledon 1959 e a prancha que Gabriel Medina usou na conquista do primeiro título mundial, em 2014. A série conta com participações especiais de nomes como Gilberto Gil, Renato Aragão, Pedro Bial, Glória Maria.

Quatro países

Que o futebol move paixões, mexe com o coração de milhões de pessoas e é considerado o esporte com mais fãs pelo mundo, todos já sabem. Mas para tentar explicar a cabeça de um torcedor apaixonado, a revista inglesa Scientific Reports publicou o resultado de um estudo realizado por cientistas de quatro países com 27 pessoas. O ‘Esporte Espetacular’ leva a experiência para os estádios brasileiros em sete partidas decisivas da Copa do Brasil e da Libertadores. Tem reações e emoções de todos os tipos.

Esporte Espetacular

O ‘Esporte Espetacular’ vai ao ar na manhã de domingo, dia 5, logo após o ‘Auto Esporte’.

Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.