SBT exibe clássico carioca FLA X FLU com seis patrocinadores

0

Transmissão Fla x Flu no SBT garante 6 cotas de patrocínio

SBT exibe clássico carioca FLA X FLU com seis patrocinadores
foto reprodução

Final do Campeonato Carioca acontece hoje, às 20h45, com patrocínio de Ambev (Brahma Duplo Malte), Estácio Havan, Hypera Pharma (Miorrelax), PicPay e Unilever (Shampoo Clear) 

SBT transmite hoje a final do Campeonato Carioca, às 20h45, com patrocínio de seis marcas: Ambev (Brahma Duplo Malte), Estácio, Havan, Hypera Pharma (Miorrelax), PicPay e Unilever (Shampoo Clear).

A partida entre Flamengo e Fluminense pela Taça Rio terá narração de Teo José, com comentários dos ex-jogadores Roberto Rivellino, Jorginho, Carlos Alberto e Athirson, e cobertura da jornalista e apresentadora do SBT Rio, Isabelle Benito, e do jornalista do SBT Esporte Rio “Smigol”. A final do Campeonato Carioca 2020 será no Maracanã, com transmissão exclusiva em televisão aberta e para todo território nacional pelo SBT.

Por ter somado mais pontos durante toda a competição, o Flamengo será o mandante da partida decisiva. O jogo acontecerá sem a presença de torcedores, em decorrências das medidas estabelecidas no Rio de Janeiro para combater o avanço do novo coronavírus.

História da emissora com os esportes iniciou-se em seu primeiro ano de vida

A cobertura de esportes do SBT iniciou-se a partir do nascimento da emissora, em 1981, comandada por Walter Abrahão no departamento de jornalismo, com a presença de Edson Cury, o Bolinha, então afastado dos programas de auditório, atuando como repórter esportivo.

LEIA TAMBÉM

‘The Noite’: Danilo Gentili entrevista Fernando Collor de Mello

Em 1984, a cobertura das Olimpíadas de Los Angeles trouxe boletins diários com reportagens sobre a participação das mulheres nas olimpíadas. No mesmo ano, a emissora cria um novo departamento de esportes, sob comando de Osmar de Oliveira, com a participação de Jorge Kajuru e coordenação de Eduardo Zebini, e vai ao ar o primeiro programa esportivo: TVS Esportes. São transmitidos jogos de futebol em torneios menores e compactos aos domingos no programa Futebol Dinâmico, comandado por Juca Kfouri.

Num pool com a RecordTV, a emissora cobre sua primeira Copa do Mundo, no México, em 1986, e logo após, em 1988, Roberto Cabrini e Ivo Morganti se unem ao departamento para a cobertura das Olimpíadas de Seul, com Ivo à frente do programa Momentos Olímpicos, ao lado de Suzana Rangel.

1990

Em 1990, Luiz Alfredo, Emerson Leão, Sócrates e Telê Santana, participam da cobertura da Copa do Mundo da Itália, e logo, Cabrini comanda a primeira versão de SBT Esporte e Primeira Fila, mostrando os bastidores das corridas de Fórmula Um. O mascote “Amarelinho”, criação da emissora, desponta como mascote da TV.

1993

Em 1993 a emissora transmite as Eliminatórias da Copa de 1994 com nova equipe: Osmar de Oliveira (que voltava à emissora), Orlando Duarte, Juarez Soares e Telê Santana – também regressando – além de Luiz Ceará e Antonio Petrin nas reportagens. No mesmo ano é criado uma nova versão do SBT Esporte, que permanece até 1996.

A Copa do Mundo dos Estados Unidos ganha narração de Luiz Alfredo e do Dr. Osmar, e a equipe de comentaristas recebe o apoio do “capitão” Carlos Alberto Torres.

1995

Em 1995 o SBT compra os direitos da Fórmula Indy, e lança Téo José como narrador esportivo, estando à frente também da nova versão de Primeira Fila. As transmissões marcam as tardes de domingo na emissora. Na mesma época, uma de suas maiores audiências na história se dá com a final da Copa do Brasil, torneio que foi elevado pela emissora ao patamar das grandes competições esportivas, tendo a final Corinthians x Grêmio a média de audiência de 42 pontos com 54 de pico (Ibope-Telereport 21/06/95 das 20:32 as 23:13 Mercado: Grande São Paulo). Amistosos eram promovidos em fomento a novos torneios como Copa dos Campeões Mundiais e, posteriormente, Taça Maria Quitéria, da Bahia.

No ano seguinte, Silvio Luiz chega para comandar as Olimpíadas de Atlanta, e o SBT lança Nivaldo Prieto como narrador. A equipe permanece na Copa do Mundo, com Silvio e Osmar se revezando na narração.

1998

Em 1998, a Copa da França manteve a equipe de sucesso, com a participação de Hermano Henning na apresentação de boletins sobre o evento. Paulo Soares integrou o time, sob direção de Luciano Callegari Jr. Ainda em 1998 foi exibida a Copa Mercosul.

2003

Em 2003 uma nova equipe chega para transmitir o Campeonato Paulista: Paulo Andrade, Dirceu Maravilha, Elia Jr, Silvia Vinhas e Elias Awad. A mesma equipe comandou a Copa Ouro.

2005

Em 2005 Jorge Kajuru comanda a roda de debates Jogo Duro, já em 2010, Edson Arantes do Nascimento, o Pelé, apresentou Um Minuto com Pelé, comentando os jogos da Seleção Brasileira na Copa da África do Sul.

Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.