“Gigantes de Nazaré” encerra o ‘Verão Espetacular’

0

Além do “Gigantes de Nazaré”, programa mostra a história do torneio infantil de futsal que reuniu diversos craques do futebol brasileiro

"Gigantes de Nazaré" encerra o 'Verão Espetacular'
Lucas Chumbo / foto divulgação

E ainda: ‘Esporte Espetacular’ traz também uma entrevista exclusiva com o ex-árbitro “Cabelada”, um dos destaques do documentário ‘Doutor Castor’, disponível no Globoplay

Um modesto campeonato de futsal para crianças no início da década passada, no Rio de Janeiro, acabou se transformando em um celeiro de craques do futebol brasileiro. Neste domingo, dia 28, no ‘Esporte Espetacular’, o repórter Eric Faria traz a história de uma competição de crianças que contou com diversos nomes que hoje brilham nos gramados do Brasil e do mundo. O torneio tinha a participação de clubes tradicionais cariocas, com direito, inclusive, a um álbum de figurinhas.

LEIA TAMBÉM

‘The Voice +’: Globo exibe semifinal

“Queixinho”

Pedro, artilheiro do Flamengo, era conhecido como “Queixinho” e atuava ao lado do então fixo Bruno Guimarães, que hoje defende as cores do Lyon, da França, e da seleção brasileira; Vinicius Júnior, que atua no Real Madrid, vestia a camisa do Canto do Rio; Paulinho, do Bayer Leverkusen, era do Madureira; e o volante Gerson, eleito para a seleção do último Campeonato Brasileiro, era identificado como goleiro, apesar de nunca ter atuado nesta posição. O lateral-direito Guga, do Atlético-MG, naquela época até vestia alvinegro, mas pelo Botafogo. Além de conversar com alguns destes personagens, o material traz depoimentos dos meninos na época em que ainda sonhavam com o sucesso no futebol.

“Cabelada”

Por falar em sucesso, o repórter Fábio Juppa foi a Búzios encontrar o ex-árbitro Luiz Carlos Gonçalves, popularmente conhecido como “Cabelada”, que tornou-se folclórico no futebol carioca na década de 1980. Este ano ele voltou aos holofotes no documentário “Doutor Castor”, primeira produção original do Esporte da Globo para o Globoplay. A entrevista foi uma das que mais repercutiu no material, grande sucesso na plataforma. Além de recordar outras histórias curiosas do mundo da bola, a reportagem traça um perfil deste sujeito que nasceu na Zona Portuária do Rio de Janeiro e carrega a malandragem no DNA. “Eu vivi a ‘belle époque’ do Rio de Janeiro, com grandes casas noturnas e restaurantes. Foi uma época tão maravilhosa que eu seria muito egoísta se cobrasse de Deus tudo que ele me deu nessa vida”, afirma o ex-árbitro.

Grená

No interior de São Paulo, um time feminino vem se destacando no futebol sul-americano. A Ferroviária, de Araraquara, conquistou recentemente o bicampeonato da Libertadores – a primeira taça veio em 2015. A curiosidade desta campanha está à beira do campo. A treinadora Lindsay Camila é a primeira mulher a conquistar o torneio nesta função. “Claro que é importante e que abre portas. Ser pioneira é maravilhoso. Tiveram pioneiras antes de mim como treinadoras. Mas é importante porque quem tem vontade, quem pensa, quem sonha em fazer, tem que acreditar como eu acreditei”, ressalta a técnica da equipe grená.

“Gigantes de Nazaré” encerra o ‘Verão Espetacular’ de 2021

Portugal é a última parada do “Verão Espetacular” este ano. Dentro do ‘Esporte Espetacular’, acontece mais uma edição do “Gigantes de Nazaré”, no qual os surfistas desafiam as maiores ondas do planeta. O tradicional evento desta vez reúne cinco duplas masculinas e três mulheres encarando o mar revolto da cidade portuguesa. Campeões em 2020, os brasileiros Ian Cosenza e Lucas Chumbo estão na disputa mais uma vez. A concorrência, no entanto, será pesada. A começar pelos donos da casa, João Macedo e Antonio Silva. O também português Tony Laureano faz dupla com o espanhol Tito Ortega. Outros dois brasileiros encaram as ondas gigantes em mares lusitanos: Eric Rebiere faz parceria com o inglês Andrew Cutton e Pedro Calado estará junto com português Nuno Santos. No feminino, Michelle Des Bouillons, a primeira mulher a participar do “Gigantes de Nazaré” e a estreante Michaela Fregonese completam o esquadrão nacional. Além delas, o torneio contará com a francesa Justine Dupont, um dos principais nomes do mundo na modalidade. A disputa terá narração de Guilherme Pereira e os comentários do ex-recordista mundial, Carlos Burle. O programa começa logo depois do ‘Auto Esporte’.

Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.