‘Arquivo A’ e o trabalho da igreja junto a indígenas no Alto Rio Negro

0

Matéria sobre o trabalho da igreja com indígenas no Alto Rio Negro faz parte da série ‘Desafios da Igreja’

'Arquivo A' e o trabalho da igreja junto a indígenas no Alto Rio Negro
foto reprodução

Dentro da série “Desafios da Igreja”, o especial Alto Rio Negro, do programa Arquivo A, traz uma ampla reportagem da realidade do extremo norte do Amazonas, na região de São Gabriel da Cachoeira. A cidade é conhecida por ser a mais indígena do País, com 80% da população desta etnia. O programa vai ao ar na quinta-feira (15 de abril), às 22h, durante a semana da Assembleia Geral da CNBB – Confederação Nacional dos Bispos do Brasil.

“Desafios da Igreja”

O “Desafios da Igreja” é um projeto da TV Aparecida, que mostra a atuação da Igreja em locais vulneráveis, onde a população precisa de ajuda, e aos quais muitas vezes os serviços básicos não chegam.

LEIA TAMBÉM

‘Aparecida Debate’ discute temas da 58ª Assembleia Geral da CNBB

São Gabriel da Cachoeira

Em São Gabriel da Cachoeira, cenário do especial que será exibido, são 23 etnias diferentes, com 18 idiomas. O Arquivo A vai mostrar os problemas pelos quais essa população passa, como o avanço dos casos de alcoolismo nas comunidades indígenas e o impacto sobre as famílias em decorrência do vício. Em contrapartida, a produção destaca o trabalho da Pastoral da Criança na prevenção e no combate dessas mazelas.

Abuso sexual

Em outro ponto da reportagem, a jornalista Camila Moraes irá conversar com mulheres que sofreram violência doméstica e também abuso sexual na infância.

Alto Rio Negro

Além disso, será mostrada a atuação dos salesianos e das Filhas de Maria Auxiliadora na região. Ao longo da calha do rio, os salesianos estão presentes desde a década de 1920, oferecendo suporte, oficinas para crianças e auxiliando em serviços como educação e saúde.

Arquivo A

O programa Arquivo A é exibido toda quinta-feira, às 22h, na TV Aparecida.

Comentários do Facebook

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.